O Fogo em Segurança do Trabalho - Tetraedro do Fogo

Saiba o que é o fogo e o tetraedro do fogoNeste artigo de nosso curso online de Segurança do Trabalho e Higiene Industrial, vamos introduzir um dos assuntos mais importantes, discutidos e estudados: os incêndios.

Porém, antes de entrarmos em mais detalhes sobre os incêndios, riscos, prevenções e coisas relacionadas ao assunto de Segurança Laboral, precisamos entender o que é o fogo e como ele é formado

Clique aqui para obter seu certificado de Segurança do Trabalho e entre já no mercado de trabalho!


O que é o fogo

Antes de falarmos em incêndios, riscos, perigos, prevenção e segurança, precisamos entender o que é o fogo, seus princípios, enfim, como funciona o fogo.

Sim, como funciona o fogo. Pode parecer óbvio, pois sempre tivemos contato com o fogo, porém se você parar para pensar "O que é o fogo?", "De quê ele é feito?" e "O que ocasiona o fogo?", verá que não é algo tão simples de ser explicado, simplesmente o aceitamos pelo costume.

Para entender melhor o fogo, seus princípios e o incêndio, vamos recorrer, mais uma vez, a Química, que nesta altura do campeonato, não deve mais assustar você, afinal todo profissional de Segurança do Trabalho estuda Química, Física, Biologia, Medicina, e até mesmo um pouco de Engenharia e Direito (ao estudar, leis, normas e regulamentação).

Segundo a Química, o fogo nada mais é que uma reação química. Uma reação especial, na verdade, chamada de combustão, cuja característica principal é a produção e liberação de calor.

Como toda reação química, para ocorrer é necessário o ambiente ideal, com as substâncias ideais (reagentes), dosagens e condições favoráveis.

Outras definições de fogo são:

  • NBR 13.860 (do Brasil): Processo de combustão caracterizado pela emissão de calor e luz.
  • ISO 8.421-1(internacional): Processo de combustão caracterizado pela emissão de calor acompanhado de fumaça, chama ou ambos.


O Tetraedro do fogo

Para que ocorra o fogo é necessário que exija, sempre e obrigatoriamente, quatro coisas:
  • Combustível - material que será oxidado (papel, madeira etc), ou seja, é tudo aquilo que pega fogo
  • Comburente - material que será reduzido (oxigênio)
  • Ignição - geralmente uma fonte de calor, para iniciar o processo de combustão, pode ser um atrito, chama ou outra reação química que produza um calor inicial para começar o processo
  • Reação em cadeira - após iniciado o processo, parte do calor liberado é usado para ser ignição e continuidade do processo de combustão



Esses quatro elementos são muito importantes, e são a base de todo o conhecimento sobre fogo e incêndio.
Eles são conhecidos como O Tetraedro do Fogo, e estudaremos com mais detalhe cada um destes elementos que compõem o tetraedro em nossas próximas aulas de nosso curso.

Combustível, Comburente, Calor de Ignição e Reação em Cadeia

Incêndios - O poder do fogo

O fogo foi, sem dúvidas uma das maiores descobertas da humanidade.
É praticamente impossível dizer onde e como ele surgiu, pois é uma reação química básica, que ocorre em uma infinidade de ocasiões e situações.

O que se sabe e se estuda, foi quando ele começou a ser usado pelo homem, e é até relativamente fácil descobrir isso, pois o fogo foi uma das descobertas que mais mudou o rumo da história.

Com o fogo o homem pôde se aquecer, com isso o homem se tornou apto a viver em diversos locais do planeta que eram frios e praticamente impossível de se viver, bem como ter uma melhor qualidade de vida durante as noites de inverno.

Antes do fogo, a noite era sinônimo de total escuridão. Não existiam atividades noturnas para o homem, é como se este tempo se tornasse inútil em termos de trabalho. Antes do fogo as noites eram sinônimos de sono, somente.
Porém, com o fogo o homem pode desbravar novos lugares pela noite, bem como realizar diversas outras atividades que eram impossíveis devido à total escuridão.

Por conta do fogo o homem melhorou a qualidade da comida ingerida, e não estamos falando somente em sabor. O fogo elimina todos germes e bactéria, o que reduziu em muito os problemas e mortes por conta do consumo de carnes cruas.

Porém, com toda essa fantástica gama de utilidade, o homem viu também um gigantesco risco no fogo: seu poder de destruição, também conhecido por incêndio, que será extensa e intensivamente estudado em nosso curso.de Segurança do Trabalho.

Os maiores incêndios do Brasil

Á título de curiosidade e de incentivo para que você se dedique ao estudo do fogo e dos incêndios, vamos mostrar os principais incêndios ocorridos no Brasil, e como será possível notar, eles nos mostram a incrível capacidade de, infelizmente, matar pessoas. Daí a importância de seu estudo:
  • Incêndio no Gran Circus Norte-Americano que estreou em Niterói - 503 mortos em 15/12/1961
  • Incêndio na Boate Kiss, Santa Maria - 242 mortos em 27/01/2013
  • Incêndio no Edifício Joelma, São Paulo - 179 mortos em 01/02/1974
  • Explosão de gasoduto em Cubatão, Santos - 93 mortos em 25/02/1984 
  • Incêndio na Refinaria Duque de Caxias, Rio de Janeiro - 38 mortos em 30/03/1972
  • Incêndio no Edifício Andorinhas, Rio de Janeiro - 20 mortos em 17/02/1986
  • Incêndio no Edifício Andraus em São Paulo - 16  mortos em 24/02/1972 

Nenhum comentário:

Texto 100% original e todas as imagens são livre para uso e foram obtidas em http://commons.wikimedia.org